Diagnóstico Para a Ejaculação Precoce

 

 

A característica essencial da Ejaculação Precoce é o início do orgasmo e da ejaculação com estimulação mínima, antes que o indivíduo o deseje, podendo ocorrer antes, durante ou logo após a penetração.

O clínico deve levar em consideração fatores que afetam a duração da fase de excitação, tais como idade, novidade da parceira sexual ou situação e freqüência recente da atividade sexual.

A Ejaculação Precoce deve ser diferenciada de uma disfunção erétil relacionada ao desenvolvimento de uma condição médica geral.

Alguns indivíduos com disfunção erétil podem omitir suas estratégias habituais de postergação do orgasmo.

Outros neces­sitam de prolongada estimulação não coital para desenvolverem o grau de ereção suficiente para a penetração.

Nestes indivíduos, a excitação sexual pode ser tão intensa que a ejaculação ocorre imediatamente.

Um tratamento mais específico se faz necessário quando ejaculação precoce se torna persistente, ou seja, aparece em mais da metade dos encontros sexuais. Existe tratamento, tanto medicamentoso quanto psicoterápico.

A primeira linha de tratamento é a reorientação e a reeducação do homem ou do casal quanto à função sexual normal.

A segunda linha terapêutica é o chamado tratamento cognitivo comportamental. Constitui-se em uma série de exercícios e tarefas para serem realizadas em casa para controle do tempo de ejaculação.

Técnica de distraçãoDurante o ato sexual, o homem é orientado a fixar o pensamento em alguma situação que o desligue de sexo como, por exemplo, suas tarefas profissionais, contas bancárias, a morte de alguém, ou em alguma mulher que não o agrada. Assim que perceba que a ereção está se desfazendo, volta a se fixar na parceira. Deve usar essa distração, algumas vezes, para poder prolongar o tempo de penetração antes da ejaculação.

Técnica de compressão: O homem deve comprimir a base da glande (cabeça do pênis) por 4 a 5 segundos, imediatamente após a primeira sensação de maior excitação. Com esse procedimento vai di­ficultar a entrada de sangue no pênis e retardar um pouco aejaculação.

Técnica stop-start: Consiste em orientar o homem a ficar na posição superior à parceira para poder ter controle do movimento sexual. Deve iniciar a penetração e parar completamente os mo­vimentos, próximo ao momento de maior excitação. Pode usar a técnica de distração concomitantemente.

O objetivo destas tarefas é fazer o homem tomar consciência do momento que antecede o primeiro estágio de ejaculação, podendo voluntariamente controlar quando deseja ejacular.

A terceira linha de tratamento envolve as medicações que po­dem ser utilizadas juntamente com os exercícios. Existe uma ampla gama de medicações que tem como efeito colateral o retardo do tempo de ejaculação.

Tais drogas devem ser ministradas somente mediante prescrição médica criteriosa, pois possuem vários outros efeitos no organismo. Alguns deles, por exemplo, os antidepressivos tricíclicos são contra-indicados a pessoas com problemas de ritmo cardíaco.

Algumas medicações tópicas (pomadas) à base de ervas ou anestésicos não foram comprovadas cientificamente como eficazes para o tratamento da EJACULAÇÃO PRECOCE.

De qualquer forma, esta disfunção sexual tem bom prognóstico, ou seja, apresenta bons índices de cura para a grande maioria dos indivíduos que procura orientação especializada.

Se você deseja conhecer uma forma natural de combater a ejaculação precoce click aqui para obter mais informações.

Até Breve!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *